segunda-feira, 23 de agosto de 2010

2 Reis 11:1-12


Atalia usurpa o trono de Judá


Quando Atalia,mãe de Acazias,rei de Judá,soube que seu filho estava morto,matou todos os filhos dele,e só não conseguiu matar o seu filho Joás,que devia estar com um ano de idade,Joás foi salvo por sua tia Jeoseba,que era irmã do rei Acazias(pois ela era filha do rei Jorão,pai de Acazias).Ela roubou o menino dentre os restantes dos filhos do rei que estavam esperando a vez para serem assassinados,e escondeu o menino com sua babá num armazém que havia no templo.Ali ficaram durante seis anos,enquanto Atalia reinava como rainha.


Joás ungido rei de Judá


No sétimo ano do reinado da rainha Atalia,o sacerdote Joiada mandou chamar os oficiais da guarda do palácio e os guarda-costas da rainha.Eles se encontraram no templo.Então fez que jurassem guardar segredo,e lhes mostrou o filho do rei.

Depois lhes deu estas instruções:

"Uma terça parte dos que entram em serviço no Dia de Descanso devem vigiar o palácio real.As outras duas terças partes estarão de guarda no templo;ficarão junto ao rei,de armas na mão,e matarão todo aquele que tentar romper a defesa.Não saiam de perto do rei,em momento algum."

Assim os oficiais seguiram as instruções de Joiada.Trouxeram à presença de Joiada os homens que iam deixar o serviço no Dia de Descanso,e aqueles que iam entrar de serviço.Ele os armou com lanças e escudos que estavam guardados no depósito do templo;estas armas haviam pertencido ao rei Davi.Os guardas de armas nas mãos se colocaram de uma ponta até a outra do santuário,e cercaram o altar para proteger o novo rei.

Joiada trouxe então o jovem príncipe e colocou a coroa na cabeça dele,e lhe deu uma cópia dos Dez Mandamentos.

Depois derramou óleo sobre a cabeça dele,na quantidade de rei.Todos bateram palmas e gritaram:" viva o rei!"


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu, o Senhor, o chamei em retidão; segurarei firme a sua mão. Eu o guardarei e farei de você um mediador para o povo e uma luz para os genti...