quarta-feira, 4 de agosto de 2010

1 Coríntios 4:1-13


Os pregadores responsáveis à Deus

Assim,Eu e Apolo devemos ser encarados como servos de Cristo que distribuem as bênçãos de Deus explicando os segredos de Deus.Agora a coisa mais importante a respeito de um servo é que ele faça exatamente o que o seu dono mandar.E Eu?Tenho sido um bom servo?Bem,não me preocupa o que vocês pensem disto,ou o que qualquer outro pensa.Não confio nem em meu próprio julgamento neste ponto.Minha consciência está limpa,mas isso não é a prova final.É o Senhor mesmo quem deve examinar-me e decidir.
Assim,tenham cuidado para não tirarem conclusões apressadas,antes da volta do Senhor,sobre se alguém é ou não um bom servo.Quando o Senhor voltar derramará luz sobre todas as coisas,a fim de que todos possam ver com exatidão o que cada um de nós é,bem no íntimo do coração.Então todos saberão com que intento temos feito a obra do Senhor.
Naquele momento o Senhor dará a cada um o louvor que merecer.

Uma reprovação severa

Usei Apolo e a mim mesmo como exemplos,para ilustrar o que lhes digo:
Que vocês não devem ter preferências pessoais.Dentre aqueles que lhes ensinam a respeito de Deus,vocês não devem envaidecer-se mais de um do que de outro.Que é que faz vocês tão presunçosos?Que é que vocês têm que Deus não lhes tenha dado?E se,tudo quanto vocês têm vem de Deus,porque proceder como se fossem tão grandes e como se tivessem realizado algo por si mesmo?
Parece que vocês pensam que já têm todo o alimento espiritual que precisam.
Estão satisfeitos e espiritualmente fartos,como uns Reis opulentos em seus tronos,deixando-nos bem para trás!Eu gostaria,que na realidade,vocês já estivessem em seus tronos,pois quando aquele momento chegar,podem estar certos de nós também estaremos lá,reinando com vocês.Por vezes penso que Deus nos colocou a nós,os apóstolos,bem no fim da fila,como prisioneiros prestes a ser executados,postos como espetáculo no fim de uma parada de vitória,para sermos olhados tanto como pelos homens como pelos anjos.
A religião nos fez ridículos,dizem vocês,mas sem dúvida vocês todos são uns cristãos tão sábios e tão sensatos!Nós somos fracos,mas vocês não!Vocês são bem considerados,e nós objeto de riso.
Até este momento temos passado fome e sede,sem roupas suficientes para nos aquecermos.Temos sidos empurrados de um lado para o outro sem um lar que nos pertença.Temos trabalhado sem descanso com as nossas próprias mãos, a fim de ganhar a vida.Temos abençoado aqueles que nos amaldiçoaram.Temos sidos pacientes com aqueles que nos maltrataram.Temos respondido com mansidão quando se diziam coisas más a nosso respeito.Contudo,até o presente,somos como a sujeira debaixo dos pés,somos como lixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pois o salário do pecado é a morte, mas o Dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor. ( Romanos 6:23)