sexta-feira, 29 de abril de 2011

Filipenses 4:10-23

                      A gratidão de Paulo
                    para com os filipenses

  Como estou grato e como louvo ao Senhor porque vocês estão me ajudando novamente!Eu sei que vocês tem estado sempre ansiosos para enviar-me o que podiam,mas por algum tempo não tiveram oportunidade.Não estou dizendo isto porque estava precisando,pois aprendi a viver alegremente,tenha muito ou pouco.
  Se tiver quase nada ou tendo tudo.
  Já aprendi o segredo para viver contente em qualquer circunstância,quer com o estômago satisfeito,quer na fome,na fartura ou na necessidade;porque eu posso fazer todas as coisas que Deus me pede com a ajuda de Cristo,que me dá a força e o poder.Mesmo assim,porém,vocês fizeram bem em ajudar-me na minha dificuldade atual.
  Como vocês bem sabem,quando eu levei o evangelho à vocês pela primeira vez,depois segui meu caminho,deixando a Macedônia,só vocês os filipenses,se associaram a mim para dar e receber.
  Nenhuma outra igreja fez isso,até mesmo quando me encontrava lá em Tessalônica,vocês me enviaram ajuda por duas vezes.Entretanto,embora eu aprecie as dádivas de vocês,o que me faz mais feliz é a recompensa bem ganha que vocês terão em virtude dessa bondade.
  No momento eu tenho tudo o que preciso - e mais do que necessito!Estou amplamente suprido com as dádivas que vocês me mandaram quando Epafrodito veio.Elas são um sacrifício de cheiro suave que muito agrada a Deus.E é Ele quem suprirá todas as necessidades que vocês tem,por meio das suas riquezas na glória,por causa do que Jesus Cristo fez por nós.Agora a Deus nosso Pai,seja a glória para todo o sempre.Amém

                 Saudações  e Bênção

  Saudem por mim a todos os cristãos dai;os irmãos que estão comigo enviam lembranças também.E todos os outros cristãos daqui desejam ser lembrados a vocês,especialmente aqueles que trabalham no palácio de César.As bençãos do Nosso Senhor Jesus Cristo sejam com o espirito de vocês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muitas são ó Senhor, as Tuas misericórdias, vivifica-me segundo os teus juízos. ( Salmos 119:156)