quinta-feira, 17 de março de 2011

2 Coríntio 4:1-18

                      Paulo cumpre o seu ministério
                                   com fidelidade

  Foi o próprio Deus,em sua misericórdia,que nos deu este trabalho maravilhoso(de contar sua Boa Nova aos outros),e por isso nunca desanimamos.
  Não procuramos enganar o povo para que creia - não estamos interessados em fazer trapaça com ninguém.Nunca procuramos fazer com que alguém creia que a Bíblia ensina o que ela não ensina.Nós nos abstemos de todos estes métodos vergonhosos.Achamo-nos na presença de Deus quando falamos e por isso dizemos a verdade,como todos quanto nos conhecem concordarão.
  Se para alguém a Boa Nova de que pregamos está oculta,ela está oculta daquele que vai a caminho da morte eterna.SATANÁS O DEUS DESTE MUNDO PECAMINOSO,O FEZ CEGO,INCAPAZ DE VER A GLÓRIA DO EVANGELHO,QUE ESTÁ BRILHANDO SOBRE ELE,OU DE COMPREENDER A MENSAGEM MARAVILHOSA QUE PREGAMOS ACERCA DA GLÓRIA DE CRISTO QUE É DEUS.
  Nós não vamos de um lado para o outro pregando a nós mesmos,mas a Cristo Jesus como Senhor.Tudo o que dizemos de nós mesmos é que somos escravos de vocês,por causa daquilo que Cristo fez por nós.Pois Deus que disse:"Haja luz na escuridão",nos fez compreender que é o brilho da sua glória que se vê no rosto de Jesus Cristo.

                  O poder de Paulo vem só de Deus

  Entretanto,este tesouro precioso - esta luz e poder que agora brilham dentro de nós - está encerrado num recipiente perecível,isto é,no nosso corpo fraco.Todo mundo pode ver que o poder glorioso que está dentro de nós tende vir de Deus e não é nosso próprio.
  DE TODOS OS LADOS SOMOS OPRIMIDOS PELAS DIFICULDADES,PORÉM,NÃO SOMOS ESMAGADOS NEM DESPEDAÇADOS,FICAMOS PERPLEXOS PORQUE NÃO SABEMOS A RAZÃO DE CERTAS COISAS NOS ACONTECEREM,ASSIM PORÉM,NÃO DESANIMAMOS,NEM DESISTIMOS.
  SOMOS PERSEGUIDOS,MAS DEUS,NUNCA NOS ABANDONA,SOMOS DERRUBADOS,MAS NOS ERGUEMOS E PROSSEGUIDOS.ESTE NOSSO CORPO ESTÁ CONSTANTEMENTE ENFRENTANDO A MORTE,tal como aconteceu com Jesus;assim fica bem claro à todos que é unicamente o Cristo Vivo dentre nós(quem nos mantêm a salvo).
  Sim,vivemos sob constante perigo para nossas vidas,porque servimos ao Senhor,porém isso nos dá contínuas oportunidades de anunciar o poder de Jesus dentro dos nossos corpos mortais.Devido a nossa pregação,nós enfrentamos a morte,pore´m isso resultou em vida eterna para vocês.
  Nós dizemos corajosamente o que cremos,(confiando em que Deus cuidará de nós),como fez o escritor do salmo quando afirmou:"Eu creio,portanto falo".Sabemos que o mesmo Deus que da morte trouxe o Nosso Senhor Jesus,também nos trará de volta à vida novamente junto com Jesus,e nos apresentará à Ele juntamente com vocês.Estes nossos sofrimentos são para benefício de vocês.E,quanto mais dentre vocês foram ganhos para Cristo,maior número haverá para agradecer-Lhe sua grande bondade,e mais ainda o Senhor é glorificado.
 
                   O desígnio e o efeito das aflições

  Eis porque nunca desanimamos,embora os nossos corpos vão morrendo,a força interior que temos no Senhor vai crescendo dia a dia.ESTES NOSSOS SOFRIMENTOS E AFLIÇÕES,AFINAL DE CONTAS,SÃO BEM PEQUENOS E NÃO DURARÃO MUITO TEMPO.ENTRETANTO,ESTE CURTO TEMPO DE ANGÚSTIA RESULTARÁ NA MAIS RICA BÊNÇÃO DE DEUS SOBRE NÓS PARA TODO O SEMPRE!
  Portanto,não olhamos para aquilo que podemos ver atualmente,as dificuldades que nos rodeiam,mas olhamos para a frente,para as alegrias do céu que ainda não vimos.As aflições logo desaparecerão,mas as alegrias futuras durarão eternamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu, o Senhor, o chamei em retidão; segurarei firme a sua mão. Eu o guardarei e farei de você um mediador para o povo e uma luz para os genti...